CBN Tocantins
CASO CRISLÂNIA | 17 de Outubro de 2018
Nova audiência criminal contra ex-auditor deverá ser marcada pela Justiça
Foto: Djavan Barbosa / Jornal do Tocantins
Foto

Uma outra audiência criminal contra o ex-auditor fiscal, Humberto Célio Pereira, indiciado pelo Ministério Público Estadual por lesão corporal gravíssima em um acidente no qual a jovem Crislânia Pereira de Souza teve uma das pernas amputadas, deverá ser agendada pela Justiça.  A primeira foi realizada na tarde desta terça-feira mas como uma das testemunhas intimada pela defesa de Humberto, não compareceu sob alegação de que mudou de Estado, a  audiência  não foi concluída.

A esta testemunha  foi aplicada uma multa no valor de três salários mínimos. Nesta terça-feira, Crislânia também foi ouvida, Humberto foi interrogado  e outras testemunhas dele também prestaram depoimento. 

Em março deste ano, seis meses após o acidente na Lancha, o MPE apresentou denúncia contra o ex-auditor fiscal por conduzir a lancha sob influência de álcool e realizar arrancadas quando pessoas ainda subiam na embarcação. Humberto  foi denunciado por lesão corporal gravíssima com dôlo eventual, com pena mínima de dois e máxima de oito anos de reclusão. Atualmente Humberto responde o processo em liberdade.

O acidente aconteceu em setembro do ano passado, no lago de Palmas, no distrito de Luzimangues.

Por: France Santiago

Leia também

Publicidade
Enquete

Em que área você gostaria de mais atenção dos gestores públicos?

  • Saúde
  • Segurança
  • Cultura e Educação
  • Infraestrutura e estradas
  • Economia e empregos