O Ministério Público Federal ajuizou uma ação civil pública contra a União, a Funai e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade por motivos de não cumprimento da recomendação que orientava a imediata interdição da região da Mata Mamão, no interior da Ilha do Bananal, onde foi avistado um grupo indígena refugiado, chamados popularmente como “cara preta”. A...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários

Publicidade
Enquete

O que você acha da prefeitura decretar lockdown em Palmas?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não tenho uma opinião formada