A Justiça condenou à prisão por três anos e quatros meses o ex-governador Sandoval Cardoso pela utilização de notas frias durante o exercício do seu mandato de deputado estadual entre 2013 e 2014, quando também era presidente da Assembleia Legislativa. O crime foi denunciado pelo Ministério Público Estadual ainda em 2015. As investigações do órgão apontaram que ele r...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre