O Estado do Tocantins terá que indenizar em 100 mil reais a mãe de um bebê recém-nascido que morreu no Hospital Geral de Palmas à espera de uma cirurgia cardíaca em agosto do ano passado. De acordo com informações do Tribunal de Justiça do Tocantins a criança nasceu no Hospital Regional de Gurupi, no sul do Estado, com uma má formação no coração e precisava passar por u...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre