CBN Tocantins
CASO DANIELLE | 11 de Dezembro de 2018
Última audiência de instrução acontece nesta terça com depoimentos de mais duas testemunhas
Foto: Reprodução / TV Anhanguera
foto

Está marcada para às 14 horas desta terça-feira,11, na 1ª Vara Criminal do Fórum de Palmas,  a última audiência de  instrução e julgamento da morte da professora Danielle Christina Lustosa Grohs, encontrada morta no dia 18 de dezembro do ano passado em sua residência, na 1004 sul em Palmas. Conforme apuração da CBN Tocantins a Defesa chegou a pedir  o adiamento da audiência, mas o pedido não foi acatado pelo juiz Gil Corrêa de Araújo.

Devem ser ouvidas nesta terça-feira mais duas pessoas, uma da defesa e outra da acusação. No dia 29 de outubro foi realizada a primeira audiência de instrução e julgamento, quando foram ouvidas cinco testemunhas da defesa e oito da acusação. A audiência durou quase seis horas. Após esta audiência o juiz vai analisar os depoimentos e todo o processo e decidirá se o médico Álvaro Ferreira, ex-companheiro da professora, com quem teve uma união estável de 18 anos, e principal suspeito do  assassinato dela, segundo a Polícia Civil, irá a júri popular.

A sentença da pronúncia somente sairá no ano que vem. O médico ficou quase um mês foragido. Ele foi preso no dia 11 de janeiro em Goiás e levado para a Casa de Prisão Provisória de Palmas no dia seguinte. Ele ficou um pouco mais de um mês e meio na Prisão  e cumpre atualmente prisão domiciliar por problemas de saúde e continua exercendo suas atividades no Hospital Geral de Palmas. Acompanhe os detalhes com a repórter France Santiago.

Leia também

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre