CBN Tocantins
ASSÉDIO SEXUAL | 7 de Março de 2019
Casos cresceram mais de 100% no Tocantins em um ano

Os dados são do Núcleo de Coleta e Análise Estatística da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Tocantins. De acordo com o balanço feito pela SSP a pedido da CBN Tocantins, o aumento no número de casos de assédio sexual contra mulheres entre os anos de 2017 e 2018 foi de mais de 100%. De acordo com os dados da Polícia Civil, foram 18 casos no ano passado, contra 8 no ano imediatamente anterior. Dos casos registrados em 2018, 5 foram contra crianças e adolescentes.    

O termo assédio sexual ainda está em transição para a nova nomenclatura de um dos tipos do crime, a importunação sexual, crime previsto na legislação federal que entrou em vigor em setembro do ano passado. Dos casos de importunação registrados este ano, somente no carnaval foram 5, de acordo com a Polícia Civil. Outros quatro casos estão em investigação da delegacia da mulher da região central de Palmas.

Já o termo assédio sexual se restringe ao constrangimento de mulheres que ocorre no ambiente de trabalho e parte de um superior hierárquico. Tanto o assédio sexual, quanto a importunação sexual, são tipos de violência contra a mulher, assim como a violência doméstica, que ocorre no âmbito familiar.

Outro dado importante é que o número de casos de violência contra a mulher no período do carnaval em 2019 quase dobrou quando comparados com 2018. De acordo com dados da Polícia Militar, o Estado chegou a uma média de 12 casos de violência contra a mulher por dia. Foram 60 atendimentos feitos pela Polícia Militar em seis dias de operação. No ano passado os casos registrados foram 33.

Leia também

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre