CBN Tocantins
PONTE INTERDITADA | 18 de Fevereiro de 2019
Crianças atravessam Rio Tocantins sem coletes salva-vidas

Essas embarcações são do tipo voadeiras e estão sendo disponibilizadas três para fazer a travessia da população. Segundo apuração da CBN Tocantins cada uma das voadeiras comporta cinco passageiros. O Governo do Estado anunciou que as embarcações são conduzidas por profissionais habilitados e treinados e que foram disponibilizados coletes salva-vidas em todas as embarcações. Mas de acordo com informações fornecidas por populares, não há coletes salva-vidas para crianças. Os maiores fazem a travessia com os coletes de tamanho normal e as crianças menores nos braços dos país.

O serviço de travessia do Rio Tocantins por meio das voadeiras está sendo disponibilizado todos os dias de 6h30 às 22h30, segundo informou o Governo do Estado. O local de embarque dos passageiros é no mesmo lugar onde estão sendo construídos os atracadouros para as balsas, próximo a ponte sobre o Rio Tocantins, que está interditada desde o último dia 7. O serviço de travessia é gratuito.

A empresa contratada para operar o serviços de Balsas foi contratado em caráter emergencial, respaldado pelo decreto de emergência publicado pelo Governo do Tocantins, por causa da interdição da ponte. Segundo a Secretaria de Infraestrutura o grupo empresarial foi convidado pelo Governo do Estado para operar o trecho, já que não houve manifestação de interesse de outras empresas em oferecer o serviço. Não foram divulgados detalhes sobre o contrato entre o Governo do Estado e a empresa. A previsão é que as balsas comecem a operar em 15 dias.

Lembrando que a Ponte sobre o Rio Tocantins, em Porto Nacional, foi interditada quase totalmente no último dia 7. Até então, desde 2011, somente veículos acima de 30 toneladas não podiam passar pelo local. Agora, somente pedestres, motocicletas, bicicletas e veículos de serviços essenciais podem passar no local. Além de ser o elo de ligação entre dois distritos de Porto Nacional e outras comunidades rurais localizadas às margens esquerdas do rio, a via, a TO-255, é a principal rota de acesso à BR 010, Rodovia Belém-Brasília.

Desde a semana passada a Prefeitura de Porto Nacional disponibilizou ônibus coletivo para fazer o transporte de estudantes. Os veículos saem da cabeceira da ponte e passam pelas principais escolas, universidades e faculdades.

Confira na íntegra a nota da AGETO

O Governo do Estado, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), informa que as embarcações que realizam o transporte de passageiros no Rio Tocantins em Porto Nacional são equipadas com coletes salva-vidas para adultos e crianças a partir de 2 anos. A Ageto finalizou a aquisição do equipamento destinado a menores de 2 anos e esses coletes devem ser disponibilizados na tarde desta segunda-feira.

Leia também

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre