CBN Tocantins
OPERAÇÃO SEMANA SANTA | 17 de Abril de 2019
PRF intensifica policiamento durante feriado prolongado no Tocantins
Foto: PRF / Divulgação
Foto

A Operação Semana Santa, da Polícia Rodoviária Federal começa a meia-noite desta quinta-feira, já que alguns órgãos e empresas optaram pelo ponto facultativo nesta véspera de feriado e quando o fluxo de veículos nas rodovias em todo o estado já deve aumentar. De amanhã até o próximo domingo, dia 21, as ações de fiscalização e educação para o trânsito serão intensificadas nas rodovias federais do Tocantins.

De acordo com informações da PRF cada um dos núcleos da corporação aqui no estado fez um levantamento para definir quais são aqueles trechos que merecem atenção especial, já que nos últimos anos tem registrado maior número de ocorrências. Essas informações, segundo a Polícia Rodoviária Federal, não serão divulgadas porque são estratégicas para o combate e prevenção da violência no trânsito nas rodovias federais que cortam o Tocantins. Além de definir os trechos que vão ter maior policiamento a PRF também definiu os horários onde são mais comuns os registros de ocorrências.

De acordo com a pesquisa mais recente da Confederação Nacional do Transporte, no Tocantins, cerca de 1.600 quilômetros da malha viária total são de rodovias federais. Essa mesma pesquisa apontou que desse total, 65% foram avaliadas como regular, ruim ou péssima em relação às condições.

Com a Operação Semana Santa, o objetivo da Polícia Rodoviária Federal é reduzir os números de ocorrências registradas nas rodovias federais do estado durante este feriado prolongado. No ano passado, neste mesmo período, uma pessoa morreu e  sete ficaram feridas em seis acidentes registrados pela corporação. À época 25 motoristas também foram multados por ultrapassagem em locais proibidos e seis foram presos por dirigirem bêbados.

Este ano não haverá restrição de tráfego nas rodovias federais durante o feriado da Semana Santa.

Leia também

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre