Gustavo José Ferreira da Silva, de 24 anos, foi preso em Taguatinga, sudeste do Estado, suspeito pela prática dos crimes de estupro de vulnerável e fornecer bebidas alcoólicas a uma menor de apenas 12 anos de idade. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Estado, durante o período de investigação, foi constatado, por meio de exames médicos, que a menor estava grávida do agressor. Gustavo foi conduzido à carceragem da Cadeia Pública de Taguatinga.