Parte das provas do concurso unificado para as prefeituras de Palmeirópolis, Jaú do Tocantins e São Salvador do Tocantins foi anulada pela Unitins, Universidade Estadual do Tocantins. O motivo, segundo a Universidade, é que a banca organizadora encontrou irregularidades nas avaliações aplicadas para os candidatos de três cargos: psicólogo, técnico dos sistemas socioassistênciais e...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários

Publicidade
Enquete

O que você acha do Escola sem Partido?

  • Sou a favor
  • Sou contra
  • Não conheço o projeto, mas gostaria de saber mais sobre